Passar ao conteúdo
Os braços da mulher cruzados para formar um quadrado
BABEL Blog

A BABEL, fiel à sua cultura cooperativa, nomeia este ano 16 novos associados

05 maio 2021

José María Díaz estudou Ciência Política na Universidade Complutense de Madrid. Assim que terminou a sua licenciatura, orientou o seu futuro para o mundo dos recursos humanos. Em Março de 2016 começou a trabalhar na BABEL, como técnico de seleção. Um ano mais tarde, ocupou o cargo de chefe de recrutamento no escritório de Madrid. José María é, desde a semana passada, um dos 16 novos associados que a BABEL acaba de nomear.

Embora possa parecer que sim, o de José María não é um caso isolado na BABEL. É, antes, o resultado da promessa de uma empresa que acredita num modelo diferente, e que se orgulha de liderar pelo exemplo. Uma empresa que se baseia num modelo cooperativo, com parceiros de trabalho estreitamente ligados à empresa, que promovem o seu crescimento e zelam pelos seus valores e sinais de identidade, independentemente do seu perfil profissional.

Este ano, o número de associados foi superior ao dos anos anteriores, devido ao crescimento significativo experimentado pela empresa. Os novos associados, que se tornarão membros da BABEL em 2022, são: Alfonso Izquierdo (Manager em Madrid), Vanessa Leite (Manager em Lisboa), Álvaro Gómez Berdeal (Coordenador em Madrid), José María Díaz (Coordenador de Pessoas em Madrid), Carlos García Gill (Gerente em Madrid), Humberto Liz (Manager em Lisboa), Alejandro Cervera (Coordenador em Madrid), Amparo Sanz (Manager em Madrid), Camille Blanc (Manager em Casablanca), Carlos Pérez La Villa (Coordenador em Madrid), Javier Sambade (Manager em Madrid), Sergio Merino (Coordenador em Madrid), Isabel García (Diretora da BABEL Catalunha), Fernando Sánchez de Ocaña (Manager em Madrid), Martín López (Manager em Sevilha) e Javier Asensio (Coordenador em Madrid).

O acesso à propriedade é uma das vantagens que a BABEL oferece aos seus funcionários, um reconhecimento da sua atividade profissional dentro da empresa. Significa acesso aos órgãos de decisão, e uma retribuição económica adicional no momento em que se tornarem parceiros. Para além de receberem um número significativo de ações da BABEL, têm a possibilidade de adquirir, nos anos seguintes, ações da BABEL a baixo custo e receber os dividendos distribuídos anualmente pela empresa.

Para a BABEL, incorporar novos sócios significa que o modelo empresarial funciona, e prova-o através da incorporação destes novos sócios. De acordo com Rafael López, CEO da BABEL, "este modelo permite-nos manter um forte crescimento dos negócios e lucros ao longo do tempo". A incorporação de novos sócios não é um ato de generosidade, "novos sócios tornam a BABEL mais valiosa, e isto é um benefício para os parceiros existentes", conclui ele.

18 anos após o seu nascimento, a BABEL permanece fiel à sua filosofia colaborativa, a um modelo de empresa não como uma entidade abstrata, mas sim como resultado da soma das vontades de todos os seus funcionários. Equipa e cultura empresarial são os elementos-chave da vantagem competitiva de uma empresa com vocação para ser uma referência na prestação de serviços tecnológicos.

A Diretora da BABEL Portugal, Ana Castro, afirma: "Foi com enorme orgulho que vi serem eleitos em Portugal o Humberto Liz e a Vanessa Leite. (...) O Humberto e a Vanessa estão de parabéns porque acreditaram neste projeto, porque se dedicaram à BABEL como se a empresa fosse sua, e agora é mesmo sua. Espero que este momento motive todos a dar o nosso melhor e a fazer todos os dias uma BABEL melhor."

Parabéns a todos os novos sócios, que continuarão a trabalhar como se a empresa fosse sua, algo que já estavam a fazer muito antes desta nomeação.
Merce López
Merce López Perfil en Linkedin

Periodista responsable del departamento de Comunicación de BABEL.

Mais posts de Merce López